Casa da Tuka
 

30 de ago de 2005

Who are you? Who? Who? Who? Who?

Qual é seu conceito de felicidade? Qual é seu sonho de consumo? Como seria o relacionamento dos seus sonhos? O que precisa para que você se sinta realizado profissionalmente?

Alguém há de falar que felicidade é poder gastar sem olhar o preço de nada, acordar às 10h todos os dias, viajar pra praia todo fim de semana... Ou ainda: ter o corpo da Jennifer Aniston, a boca e o namorado da Angelina Jolie e a grana das duas juntas.

Sobre o sonho de consumo podem responder que desejariam um carro importado de 150 mil reais, uma casa de três andares na cidade, um chalé em Gramado e uma beach house em Hamptons.

Quanto ao relacionamento perfeito alguém diria que é estar com um homem ou mulher de beleza invejável, fazer amor de manhã, no almoço e à noite, jamais brigar, não precisar dar satisfações, ouvir eu te amo a cada cinco minutos, receber presentinhos surpresa sem nenhuma data especial.

Já sobre realização profissional, um gritaria que seu sonho é ganhar O Aprendiz e gerenciar uma empresa de Justus, fazer doutorado em Harvard ou Yale, escrever um livro contando o segredo de seu sucesso ou ter uma edição do The E True Hollywood History.

***
Há quem queira pouco ou quase nada...

Há os que seguem com a maré e passam seus dias sem grandes perspectivas.

Há quem saiba exatamente o que quer e também o que precisa fazer para conseguir.

Há os que não sabem muito bem que caminho seguir, mas vão em frente, vão tentando.

Há os que são felizes sem muito esforço e não perdem tempo filosofando demais sobre quereres.

Há os infelizes compulsivos, que a vida sempre é uma merda, que nada está bom, que se tem sol está triste, se chove quase morre de tristeza.

E você? Que tipo de pessoa é? Que tipo de pessoa escolheu ser?

Postado por Tuka *

Leia antes de usar
Desde 15 de janeiro de 2002 uma jornalista nonsense escreve desembestada no blog que chama carinhosamente de sua Casa.

Aqui têm besteiras demais, coisas inúteis demais, enfim, tudo o que nem precisava ser dito, muito menos escrito.

Obviamente, qualquer semelhança com a realidade é única e exclusivamente uma opção da autora.

Assim como o direito de escrever
o que bem entender, claro!


Uma campanha Casa da Tuka contra o plágio
Divulgue em seu Blog:




O Avesso dos ponteiros

Livro de cabeceira
Aparentemente é Isso Mesmo
Uma Brasileira
Heart's Place
Blog by Dani
A prateleira
Desiderata
Blônicas
Observados

Casa no Orkut


My Unkymood Punkymood (Unkymoods)



Procure aqui

powered by FreeFind


Ouvidos




website hit counter

tracker

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

Get your own free Blogoversary button!
. . .

Design By:
Lin Diniz
Powered By:
Fernando Boniotti