Casa da Tuka
 

20 de fev de 2006

Série-maníaca, eu?

Esse ano abri mão de assistir televisão aberta. Nem novelas, nem Big Brother, nem nada. Tá, nada também é mentira, assisto ao Bom Dia Brasil sempre, mesmo achando Renato Machado um entojo.

Não tem como negar aqui e falar que nunca assisti a nenhuma dessas porcarias pois já assumi em outros posts (como esse). Assumi até que realmente gostava de Big Brother e que era assídua diante da tevê nos horários do reality show, isso na edição passada. Só que nesse ano não tive saco. Nem pra novela, embora a tal “Chatíssima” pareça ser bem legal.

E não pensem vocês que faço parte da “elite” que a vida toda assistiu apenas canal a cabo e se orgulha disso. Não! Até mesmo porque só assino há uns dois anos e acho caro pra caramba. Mas convenhamos que poder escolher o que assistir e ter mais opções do que apenas as atrações “globíferas” é deveras muito bom. Aliás, eu acho ótimo.

Mas voltemos ao fato de que eu estou cada vez menos motivada a ver a grade de programação da televisão aberta – pra isso tenho que confessar outros vícios que adquiri: séries.

De segunda a sexta-feira ou sempre que não tenho algo que me impeça, assisto a “Law and Order – Especial Victim Unit” - pontualmente às 20h. A-DO-RO. A série mostra a cada episódio o passo a passo dos policiais que desvendam crimes sexuais: quem matou quem, quem estuprou quem, quando, onde, porquê e o julgamento. Entretanto estou chateada porque minha personagem favorita vivida por Mariska Hargitay vai sair da série por um período – a atriz está em licença maternidade.




Tem também American Idol toda quarta. Sim, é um reality show. Não, não tem nada a ver com o Big Brother. É algo como o nosso fracassado Fama só que infinitamente melhor. É o segundo ano em que assisto e me mato de rir com os bizarros candidatos a cantores que acreditam ter talento incontestável. É divertido, não tem como negar. Os juízes são Paula Abdul (sim aquela que cantava “Rush, Rush”), Simon Cowell e Randy Jackson — responsáveis em selecionar os melhores competidores para as fases finais. A graça do programa está em acompanhar as fases classificatórias e se deliciar com as pérolas que aparecem e têm certeza de que são estrelas da música ainda não descobertas.


E Lost. Lost é um absurdo. Na segunda temporada a série é uma das mais assistidas em todos os países em que é passa. A Globo começou a transmitir também e parece que tem feito sucesso mesmo apesar do horário em que vai ao ar. Lost conta a história de 48 sobreviventes de uma queda de avião em uma ilha que não se sabe exatamente onde fica mas que não se trata de um lugar qualquer: habitantes estranhos, acontecimentos bizarros.


E por último mas não menos importante: Desperate Housewives. Um misto de tragédia e comédia é a pitada especial dessa série que mostra de maneira atual o "felizes para sempre", com muito humor negro, ao retratar as vidas secretas das mulheres casadas de um subúrbio, que não são exatamente o que aparentam ser. Aliás, não são quase nada do que aparentam ser. A segunda temporada acaba de começar.

Marcadores:


Postado por Tuka *
Comments:
Tenho uma amiga viciada em seriados. Infelizmente não vou poder comentar sobre nenhum desses, uma vez que na minha casa não há TV a cabo, porque realmente acho muito caro. O jeito seria ter uma "TV a gato", mas também não tenho por enquanto! Snif.... =(
 
tuka, vc foi no ponto X da questão lá. acertou em cheio. valeu pelo beijo.
 
Já eu, declarei guerra à TV - à aberta e também às séries enlatadas que passam nos canais a cabo.
Juro que tentei ver 'Lost', mas admito minha incapacidade: mal consegui passar do primeiro capítulo.
E para não dizer que não vejo TV, assisto ao telejornal da Band, vejo um ou outro capítulo de 'Chatíssima' e acompanho as mentiradas de JK. E só.

Beijinhos, Tuka!
 
Desperate Housewives e Lost eu assisto.... a tv a cabo é realmente uma saída para quem não suporta ver tanta inutilidade qto as q vemos na tv aberta, mas ainda é muito caro o serviço....

beijos, querida
 
Eu não assisto Big Brother Brasil, mas sabe que um dia eu estava somente passando canal e...

Ótimo texto! bjks
 
Eu tava numa indecisão assim... MEGA... porque eu andei exagerando e acabei faltando à academia... E, agora, segunda e quinta são religiosamente os dias dos meus seriados prediletos (Lost e D.H.)...

Agora... só o eMule me salva!!! (:
 
Até acompanho Desperate Housewives, mas acho inferior a qualquer novela brasileira.
Produção paupérrima e atrizes do nível Thalia-SBT.
Vi agora o começo da segunda temporada e caí pra trás de decepção.
Mil vezes Belíssima.
Bjs e apareça.
Adorei sua visita.
;)
 
Humpf !
 
Eu era viciadona em Friends. Hoje eu gostaria de assistir Os 4400, mas sempre esqueço a hora e já tá na segunda temporada (ou terceira?), daí perco a vontade.
Lost eu quase consegui acompanhar, mas perdi alguns capítulos e perdi o tesão.
 
a Tv aberta parece ter esgotado todas as atrações e o público começa a fugir e buscar outras alternativas de entretenimento. As séries americanas são mesmo um prato cheio p/se fugir da mesmice da nossa programação aberta.

Bjo!!
 
mas quem não sabe o que aocntece na tevê aberta? me conta... Um abração
 
Eu gostaria mesmo de poder escolher a TV Fechada... mas ainda não consegui a grana pra investir nisso...

O que eu tenho feito pra sanar minha vontade de ver séries é ficar a madrugada inteira baixando seriados pela net...

LOST eu comecei a ver na Globo e apesar de achar que eu nao ia gostar... acabei curtindo e muito.

Acompanho também SMALLVILLE e 24...

Um beijo mocinha! :)
 
Ah, Tuka, vc acertou em cheio. Só quero adicionar Grey's anatomy. Sou viciada! Beijos
 
Postar um comentário



<< Home

Leia antes de usar
Desde 15 de janeiro de 2002 uma jornalista nonsense escreve desembestada no blog que chama carinhosamente de sua Casa.

Aqui têm besteiras demais, coisas inúteis demais, enfim, tudo o que nem precisava ser dito, muito menos escrito.

Obviamente, qualquer semelhança com a realidade é única e exclusivamente uma opção da autora.

Assim como o direito de escrever
o que bem entender, claro!


Uma campanha Casa da Tuka contra o plágio
Divulgue em seu Blog:




O Avesso dos ponteiros

Livro de cabeceira
Aparentemente é Isso Mesmo
Uma Brasileira
Heart's Place
Blog by Dani
A prateleira
Desiderata
Blônicas
Observados

Casa no Orkut


My Unkymood Punkymood (Unkymoods)



Procure aqui

powered by FreeFind


Ouvidos




website hit counter

tracker

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

Get your own free Blogoversary button!
. . .

Design By:
Lin Diniz
Powered By:
Fernando Boniotti