Casa da Tuka
 

21 de mar de 2006

Ela voltou

Domingo dei um pulinho na Fnac e enquanto maridon e ela passeavam pelos eletrônicos, comprei os dois novos CDs da Marisa Monte. Não sou crítica musical, nem tenho intimidade para escrever sobre tal com a desenvoltura de outros assuntos, mas que se dane, o blog é meu e vou escrever como fã de música apenas, nada mais.

Pois bem, Marisa está de volta depois de seis anos sem nenhum trabalho solo e com dois discos de uma vez: “Infinito particular", com um repertório pop e "Universo ao meu redor", que traz o samba da Velha Guarda da Portela e também músicas inéditas. Os discos tiveram produção digna de popstar e foram lançados simultaneamente no dia 10 de março em seis países: Brasil, Espanha, México, Colômbia, Chile e Argentina - em abril, ele chega a vários países da Europa e em agosto aos Estados Unidos.


Mas eis que Marisa não me surpreende mais desde Barulhinho Bom (1996). Os novos trabalhos têm músicas extremamente bonitas, o vocal é o afinado e agradável de sempre, mas tudo é absolutamente igual. Não sei se essa é exatamente a intenção de um artista consagrado, fazer com que o público o reconheça sempre, mesmo pagando o preço da mesmice. Ou se o que ouvimos é realmente sua impressão digital e o que ele mostra é o que é.

Mas que seja, isso talvez tenha sim seu lado bom, ainda que o comercial para a indústria fonográfica. Sabem aquela coisa do diferente, mas igual? É isso. Marisa está assim. Tanto que quase é possível cantar uma letra de alguma canção antiga em cima da melodia de algumas músicas dos discos novos. Igual.

Eu, que com as facilidades e rapidez da Internet, não compro CD de artista algum, me recusei a interromper minha coleção de CDs da cantora. Mas confesso que, embora ainda vá escutar minhas novas aquisições por um bom tempo, parei definitivamente com as compras dos lançamentos de Marisa por aqui. Pois ela continua a mesma. Isso pode ser bom para alguns, mas para pessoas que gostam de novidade e de serem surpreendidas é um pouco tedioso demais.

A turnê dos dois discos começa em Curitiba no final de abril e segue para São Paulo em maio. Em julho vai ao Rio, em setembro para a Europa e em novembro, aos Estados Unidos.

(Nota da autora: ela definitivamente é a pessoa mais chata que já entrevistei. Mas na Época ela até que está bem simpática para a divulgação dos CDs novos. Clique aqui para ler.

Marcadores: ,


Postado por Tuka *
Comments:
Por isso eu amava (e ainda amo) a Cássia Eller. Cada novo disco ela me surpreendia. Me surpreendeu até quando morreu. Inesquecível.
Ps: já respondi ao seu email.
 
tuka, confesso que ainda não me detive a ouvir de verdade os dois novos da marisa monte. aliás, só consigo fazer isso com o encarte na mão. e os que tenho foram presentes "baixados da internet" por um amigo. por alto, gostei mais do de samba do que o pop. concordo que tá tudo muito igual. mas como disse pra uma amiga fãzona da MM como vc e eu: pra gostar de marisa monte tem que ouvir até cansar... pra ficar com uma ou duas músicas que a gente vai ouvir pro resto da vida. Lembra de Magalamabares? Nunca mais ouvi nada igual vindo dela! Bj
 
Eu não gasto mais $ em CD's, os cantores que me desculpem, mas ultimamente é tão difícil encontrar um CD com 12 músicas, onde as 12 sejam gostosas de ouvir, e sou do tipo que ouve quase tudo na loja antes, e se por um acaso eu gostar de uma ou duas, baixo na net, é mais barato e eu não me arrependo de pagar R$30,00 pra ouvir duas músicas!
Beijos TUKA!
 
Mas que menina chique, ja até entrevistou a Marisa Monte. Pena q ela seja uma chata. Adoro aquele cd dela de capa rosa.
Boa semana!
bjks
 
Ahhh faz uma lista ai das melhores músicas dos últimos tempos.
 
Sempre achei que a Marisa Monte fosse previsível demais, "igual" demais.
Sou muito mais Marina e Ana Carolina.
Quanto a "pane da direita"...brigadão!
Quase surtei de vez quando vi aquele furdunço lá!
Beijo!
 
To curiosa pra ouvir. Mas pela propaganda na TV deu pra ver q não é nada de novidade.
 
Gosto de Marisa Monte, mas não de todas as músicas dela.
Ultimamente já não tenho mais comprado CD's - eu baixo as músicas que mais gosto na net e faço compilações exclusivas, só com o que realmente quero ouvir.
Foi-se o tempo em que eu comprava CD's por causa de duas ou três músicas.
Enfim, para quem não quer buracos em sua coleção, às vezes até vale a pena comprar os CD's originais.

Beijinhos, Tuka. :-)
 
Eu adoro a voz dela, mas sei lá não bate comigo, acho que sou mais Cássia Eller!!

E vc é chique!!! Entrevistar Marisa!!


Beijos
 
É, eu também ando meio desanimada pra comprar CD´s... Eu adoro ter um CD original, ams com o preço que tá, não, não, não!
Huum, fiquei curiosa quanto do CD "Universo ao meu redor", adoro sambas antiguinhos, desses de velha guarda (mas não sou chegada à maioria dos sambas-enredo. Não me pergunte porque).
E engraçado, não é a primeira vez que escuto alguém falar que a Marisa Monte é chatinha.
Bjs

http://abolsadamulher.zip.net
http://cafofodamieko.zip.net
http://labellmidis.com/blog
 
Quero muito os CDs--tenho ouvido as músicas novas no rádio--mas achei caros...
Agora, o show, não vou perder! Sé em maio????
 
Postar um comentário



<< Home

Leia antes de usar
Desde 15 de janeiro de 2002 uma jornalista nonsense escreve desembestada no blog que chama carinhosamente de sua Casa.

Aqui têm besteiras demais, coisas inúteis demais, enfim, tudo o que nem precisava ser dito, muito menos escrito.

Obviamente, qualquer semelhança com a realidade é única e exclusivamente uma opção da autora.

Assim como o direito de escrever
o que bem entender, claro!


Uma campanha Casa da Tuka contra o plágio
Divulgue em seu Blog:




O Avesso dos ponteiros

Livro de cabeceira
Aparentemente é Isso Mesmo
Uma Brasileira
Heart's Place
Blog by Dani
A prateleira
Desiderata
Blônicas
Observados

Casa no Orkut


My Unkymood Punkymood (Unkymoods)



Procure aqui

powered by FreeFind


Ouvidos




website hit counter

tracker

Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

Get your own free Blogoversary button!
. . .

Design By:
Lin Diniz
Powered By:
Fernando Boniotti